Hóquei no gelo – História e Informações

Hóquei no gelo – com uma quadra de 60 x 30 metros com os cantos arredondados, gols de 1.20 de altura, 12 jogadores equipados com patins, tacos, e com três juízes – é um dos esportes de contato mais rápidos do mundo dos esportes.

Um time de hóquei conta com 22 jogadores, embora apenas seis entrem em campo de cada lado, geralmente 5 jogadores em campo – dois de defesa e três no ataque, que variam nos esquemas táticos – são permitidos na pista durante o jogo. Normalmente, o hóquei no gelo é jogado nas linhas, que, com exceção de algumas situações especiais, como o boxplay, os mesmos jogadores foram as linhas de defesa e de ataque. Geralmente uma unidade inteira é substituída de uma vez só depois de pouco tempo, mas as substituições individuais também podem acontecer. Diferentemente de outros esportes coletivos, no hóquei no gelo, o goleiro na teoria pode ser substituído por um jogador de linha, mas na prática apenas em algumas situações isso ocorre, como no backlog ou em alguma cobrança de lance livre. O tempo do jogo é de 60 minutos não corridos, ou seja, quando há algum tipo de interrupção o cronômetro para, divididos em tempos de 20 minutos cada com intervalos de 15 minutos entre eles. O objetivo do jogo é marcar pontos ao lançar o disco, que pesa entre 156 e 170 gramas e com diâmetro de 7.62 cm no gol adversário. Os jogadores de hóquei, e particularmente o goleiro, vestem roupas de proteção e capacetes para prevenir ferimentos sérios causados pelo puck, por exemplo. O hóquei no gelo é um dos esportes mais físicos e o contato entre os jogadores é explicitamente permitido. Discussões que envolvam contato, porém, não são permitidas pelas regras do jogo e têm punições previstas com pênaltis.

O ringue do hóquei na América do Norte tem 26 metros de largura e é portanto um pouco mais estreito do que os ringues na Europa, e é dividido por cinco linhas no total: a vermelha no meio, em que começa a partida, divide o ringue em dois; duas linhas azuis dividem o ringue em três partes, assim como as linhas dos gols. As linhas citadas dividem o ringue em zonas de ataque, de defesa e em uma zona neutra. Existem 5 lugares de ponto de partida na zona neutra em oposição a dois pontos em cada zona de fundo. Estes pontos de partida são portanto de muita importância para o jogo, pois o disco é lançado pelo árbitro ao jogo no início ou após uma interrupção. Com mais detalhes, no ponto de partida, dois jogadores se encaram no lugar reservado, enquanto os outros jogadores ficam do lado de fora do círculo, posicionando seus tacos de forma que consigam ter controle do disco após o árbitro lança-lo no jogo. Se um dos jogadores se comportar de forma agressiva durante ou antes do lançamento, o árbitro pode suspender o jogador, e outro deverá substituí-lo. Assim que o disco entra no jogo, as equipes tentam mantê-lo fora de suas zonas de defesa e leva-lo até o gol do adversário. O gol tem 1,83 cm de largura e 1,22 cm de altura, com as barras verticais e horizontais pintadas de vermelho. Existe também um semicírculo pintado de azul em frente aos gols, a famosa “goal crease”, em que apenas os goleiros e os jogadores de defesa podem entrar. Se um atacante entra na área antes mesmo do disco, o jogo é interrompido pela violação, o gol é contestado e o jogo continua em um ponto de partida neutro. Além desta penalidade, o “offside” neutro ocorre muito mais frequentemente no hóquei no gelo. Um “offside” é quando um jogador atacante entra na zona ofensiva antes do disco. Se, contudo, o time de defesa põe o disco para fora da sua própria zona de defesa na zona de ataque, e o disco atravessa a linha de gol do oponente, direta ou indiretamente, o árbitro para o jogo devido aoicing e o jogo continua num ponto de partida da zona de defesa do primeiro time. E se uma equipe estiver desfalcada devido a uma penalidade temporária, a regra do icing não é aplicada, garantindo um alívio para o time desfalcado.

Ao passo que as violações de icing” e “offside são chamadas de violações de linha e a penalidade é o recomeço da partida na área de defesa, também existem as violações de tempo, que podem mudar o rumo da partida. Em determinado nível, o sistema de três jogadores que utiliza de um árbitro e dois outros na linha é usado oficialmente. O principal objetivo dos árbitros é supervisar o jogo e controlar os jogadores, especialmente ao conduzir os reinícios de partida, como dar faltas de tempo. Fica sob o julgamento do árbitro dar ou não penas de tempo. As razões mais frequentes para penalidades de tempo são: interferência, cotoveladas, tropeços, ou outros tipos de condutas antiesportivas. A variação de tempo dessas faltas, em que o jogador é enviado ao “penalty box”, é de 2 minutos para jogadores ou equipe ou 2_2 minutos para duplas, faltas não tão graves ou ofensas; mais de 5 minutos para faltas ou ofensas graves que são usados depois nos 10 minutos de jogo ou punição corretiva, o que quer dizer que o jogador pode ficar sem jogar por 10 minutos depois da falta cometida; e punição de jogo, em que o jogador fica fora do jogo em curso e da próxima partida.

Se o time atacante está em maioria devido a uma penalidade imposta ao time adversário e marca um gol, o adversário que está fora ou se mais jogadores foram penalizados, aquele com menor tempo restante de punição pode voltar ao ringue imediatamente. Isso não se aplica às penalidades de 5 minutos ou punições corretivas. Ao árbitro é permitido dar faltas como necessário, mas cada equipe deve ter ao menos três jogadores e o goleiro presentes no gelo. Embora o goleiro possa cometer uma falta ou ofensa, eles não têm que retirar-se durante os 2 ou 5 minutos, podendo indicar um outro jogador do time para sofrer a punição em seu lugar. Isso não se aplica às punições corretivas ou pênaltis, em que o goleiro é obrigado a retirar-se do ringue.

Apesar de algumas partidas de hóquei no gelo já terem terminadas em empate, a possibilidade de que isso ocorra não consta nos regulamentos da maioria das ligas ou em grandes torneios, como o campeonato mundial. Se nenhum time chega a vitória após os 3 tempos de 20 minutos, com o tempo extra, que varia a cada liga, tempo adicional ilimitado pode ser adicionado. Há, também, a diferença na aplicação da regra da “morte súbita”, em que o jogo termina assim que a primeira equipe marca um gol no tempo adicional. Algumas ligas, porém, esperam que esse tempo extra termine para encerrar o jogo.

Se nenhum gol for marcado durante o tempo adicional, o vencedor do jogo de hóquei no gelo será aquele acertar mais tiros livres. Nesse caso, o disco fica posicionado no ponto de partida central e três jogadores de cada time tentam acertar o gol sem nenhum outro jogador no gelo. Caso mesmo após os tiros livres não se tenha um ganhador, os tiros continuam até que se obtenha um vencedor.

Este foi apenas um rápido resumo de um dos esportes mais dinâmicos do mundo. Em outro texto, iremos abordar a história do hóquei no gelo, como o esporte se tornou famoso e quais são as ligas mais importantes com mais detalhes, além de indicar nossa extensa oferta de apostas com as melhores odds do Brasil.